A vida dos outros

Considerações e ironias referentes aos outros clubes que, para infelicidade deles, nunca conseguirão sequer chegar perto da Sociedade Esportiva Palmeiras.

*******

Roberto Carlos Genérico quer comer, beber e não pagar- 1
Em recente entrevista concedida ao jornal Folha de S. Paulo, o lateral esquerdo Roberto Carlos Genérico afirmou que sentiu uma grande diferença entre Brasil e Europa. Aqui, ao contrário de lá, o atleta vai aos restaurantes e bares e o pessoal cobra aquilo que ele consome.

O cidadão acha que os gerentes brasileiros deveriam seguir o exemplo de seus colegas europeus. Em princípio, parece coisa de folgado, pois todos sabem que esse cara ganha uma fortuna e pode perfeitamente pagar suas despesas sem muita choradeira. Mas…

*******

Roberto Carlos Genérico quer comer, beber e não pagar- 2
Uma segunda explicação, além do pão-durismo, veio dias depois. RC está sendo acionado por sua ex-esposa, que deseja lhe arrancar uma bolada daquelas na Justiça. Se o prejuízo se tornar inevitável, pode ser que ele realmente fique com suas finanças comprometidas e precise da boa vontade alheia para saborear uma boa refeição ou tomar umas bebidas calibradas nos bares da vida.

E se o Meia Arriada depender de prêmios por títulos no Ano Sem, vai ficar difícil. Todos sabemos como tem sido a parte final do projeto “Libertadores é do Timão” que a equipe presidida pelo amigão de Raul Bianchi insiste em tentar tornar realidade.

*******

Manos do Menezes em mais um vexame internacional
E já que o assunto é o Ultimão, a torcida que foi conferir seu clube contra o Racing no Uruguai deu um belo vexame internacional. Por volta das 18h30 da quarta-feira (14), dia em que o duelo pela Libertadores foi realizado, um grupo de dez torcedores alvinegros pediu para entrar e visitar o estádio da equipe uruguaia.

Dois integrantes da trupe arrombaram a porta de um dos camarotes de lá. De quebra, roubaram uma bandeira do Nacional e acabaram detidos pelo policiamento local. Resultado: passaram meia hora amarrados no saguão de entrada e foram detidos em seguida. Nada que a gente possa estranhar…

*******

Lusinha manda técnico embora e diz que ele se demitiu
Após perder em casa para o Fluminense por 1 a 0 pela Copa do Brasil, a Lusinha achou o culpado. Obviamente, o mordomo, digo, o técnico Vagner Benazzi. Até aí, tudo normal na cartilha dos clubes brasileiros. O curioso fica por conta de a equipe de coração do locutor Gomão Ribeiro ter anunciado que o treineiro pediu demissão de forma irrevogável.

Pouco depois, Benazzi garantiu que na verdade foi é demitido por telefone, e que por ele estaria no cargo até agora se dependesse da sua vontade. Reza a lenda que o mesmo ocorreu com seu antecessor, Estevan Fred Flinstone Soares. Eita história esquisita…

*******

Maurício da Base precisa se benzer rapidinho
Desde o ridículo quebra-pau que protagonizou com o atacante Obina no estádio Olímpico, no doloroso Brasileirão 2009, o zagueiro Maurício, que Mondo Palmeiras apelidou de “Maurício da Base”, parece ter entrado em fase de vacas magras. Após curta temporada no Grêmio (RS), no qual praticamente não teve oportunidades, ele foi contratado pela Portuguesa.

Em sua estreia pelo novo clube, jogou apenas cinco minutos e teve de sair, reclamando de dores na perna. Um exame constatou edema muscular de um centímetro em sua coxa esquerda, contusão que o manterá por pelo menos um mês longe dos campos. Esse precisa passar no Pai Edu urgente!

*******

Semana que vem tem mais, se Deus quiser! Agradeço aos patéticos adversários, sempre me fornecendo boa munição, e aos freqüentadores de Mondo Palmeiras! E nunca se esqueçam: o bom-humor ajuda a evitar ataques cardíacos, derrames, tentativas de suicídio, etc.

*******

Clique abaixo e ouça o Torpedo Verde, o boletim diário de Mondo Palmeiras.