A Vida dos Outros

Considerações e ironias referentes aos outros clubes que, para infelicidade deles, nunca conseguirão sequer chegar perto da Sociedade Esportiva Palmeiras.

 *****

“Democrata” Marin quer ver lista de Mano 48 horas antes-1
Raul Bianchi, o Goleiro Verde, garante que não torce pela seleção brasileira de futebol há pelo menos três décadas. De quebra, ainda apelidou o antigo escrete canarinho de Selenike.

Quem acompanha a forma como essa verdadeira instituição mundial vem sendo dirigida nos últimos tempos provavelmente concordará com ele e tomará a mesma atitude. Torcer para um mero balcão de negócios é realmente complicado.

Após os 23 anos da ditadura Ricardo Teixeira, agora temos José Maria Marin, político das antigas e de métodos também antigos, no poder. E ele, em poucos dias no cargo, já mostrou a que veio.

Em entrevista coletiva concedida nesta quinta-feira (19) José Maria Matusalém, digo, Marin, afirmou que já informou ao treinador da Selenike, Mano Manezes, que ele terá de cumprir uma ordem.

“Quero ver a lista 48 horas antes da divulgação oficial”. Ele se referia à convocação para os Jogos Olímpicos de Londres. E tentou justificar.

“Tenho respeito pelo trabalho dele; não vou convocar nem escalar ninguém. Mas hierarquia é fundamental, e quero ver a lista antes. Não abro mão”.

 *****

“Democrata” Marin quer ver lista de Mano 48 horas antes-2
Se não é para dar palpites ou mudar alguma coisa, o que levaria Marin a querer ver essa lista antes? Só mesmo quem acredita em duendes ou curíntia campeão da Liberta pode achar normal e sem segundas ou terceiras intenções essa atitude.

Mas isso não é nada. Ao ser questionado sobre o fato de Mario Jorge Lobo Zagallo, aquele que deixou o Ademir da Guia no banco na Copa de 1974, ser concorrente ao cargo de vice da CBF, ele deu a seguinte resposta, desde já antológica:

“O Zagallo merece todo o respeito, mas foi brilhante como técnico. O Marco Polo faz uma campanha brilhante na Federação Paulista”.

Campanha brilhante, cara pálida de pau? Menos. Desde que substituiu Eduardo José Farah na FPF, há quase dez anos, Marco Polo Del Nero só conseguiu organizar campeonatos paulistas patéticos e engordar os bolsos de sua entidade, enquanto os clubes paulistas caem pelas tabelas.

E aí, continua querendo torcer pela Selenike? Com esses dirigentes…

 *****

Patrícia Tamborim garante o cargo de Joel Prancheta. Mesmo?
Cada dia fica mais claro que os dirigentes do futebol brasileiro acham que a memória do torcedor brasileiro equivale a zero vezes zero.

Só isso justifica a última declaração de Patrícia Tamborim, presidente (ou presidenta, se preferirem) do Clube de Regatas Flamengo.

Após ver seu time ser eliminado de forma grotesca da Libertadores 2012, ela garante que Joel Prancheta Santana continuará no cargo, mesmo que seu time perca para o Vasco e dê adeus ao título carioca de 2012.

Vale lembrar que isso significaria quase um mês de inatividade para o clube carioca, além de ter apenas o Brasileirão para disputar no resto do ano.

Para quem demitiu Vanderlei (ou Wan Der Ley, ou Van Der Sar, ou Van Der Pôker, ou sei lá!!!) Luxemburgo do jeito que demitiu, no início do ano, dá para acreditar na moça? Deixe o armário limpo pela dúvida das vias, mestre Prancheta.

 *****

E a conta acabou sobrando para J. Mitchels na Lusinha
Já que o assunto é treinador, vale colocar na mesa o exemplo da gloriosa Lusinha. Lembram da Barcelusa, campeã de forma espetacular da série B do Brasileirão 2011?

O clube chegou a ser considerado um dos favoritos para o Paulistão 2012 por alguns visionários, com seu treinador, Jorginhus Mitchels, incensado como a grande revelação dos últimos anos.

No fim das contas, o time virou Barceloser e conseguiu a façanha de cair para a segundona do Paulistão, um fim de feira daqueles, em um torneio de nível técnico tão fraco e lamentável.

Aí, como diria aquele sucesso dos anos 80 na praia do pagode, sobrou para J. Mitchels o bagaço da laranja, ou seja, o desemprego.

A Lusa contratou Candinho (Candeeeeeenho!, como diria Flavio Canuto) para gerente de futebol, enquanto a vaga de Jorginho ficou nas mãos de outro inho, o Geninho, que ajudou a rebaixar o Comercial no mesmo Paulistão.

Tremo só de pensar como será o desempenho do time do presidente Manoel da Lupa durante o Brasileirão 2012. Será que teremos barba, cabelo e bigode rebaixados no mesmo ano? Pode preparar o fado e a dança do vira, Gomão Ribeiro. Ou, para entrar no clima, o fadinho e a dancinha do virinha…

 *****

Pernalonga do Menguinho vale 15 vezes menos do que em 2007
Ainda há aqueles que lamentam o fato de o Palmeiras ter perdido o leilão promovido por Assis Bom Caráter em torno de seu irmão, o jogador Pernalonga Fake Gaúcho, no início de 2010.

Pois bem. A consultoria Pluri realizou um estudo, e chegou à conclusão de que o passe de Dentuço da Náite vale atualmente 15 vezes menos do que em 2007, quando ainda era do Barcelona.

Há cinco anos, os direitos federativos do ex-jogador em atividades eram avaliados em torno de R$ 171 milhões. Sabe para quanto esse valor caiu em 2012? Segure-se na cadeira: R$ 11 milhões.

Detalhe: a mesma consultoria garante que aos 32 anos, Irmão de Assis vale menos até mesmo do que em 2000, quando iniciava sua trajetória no mundo dos craques da bola. Naquela época, ele era avaliado em R$ 12 milhões. Quem planta, colhe!

Gostaria de ver a cara da estimada Patrícia Amorim, presidenta do Flamengo, ao ler esse estudo. E também o dos presidentes de Palmeiras e Grêmio, que conseguiram fugir dessa fria…

 *****

Semana que vem tem mais, se Deus quiser! Agradeço aos patéticos adversários, sempre me fornecendo boa munição, e aos freqüentadores de Mondo Verde! E nunca se esqueçam: o bom-humor ajuda a evitar ataques cardíacos, derrames, tentativas de suicídio etc