A Vida dos Outros

Considerações e ironias referentes aos outros clubes que, para infelicidade deles, nunca conseguirão sequer chegar perto da Sociedade Esportiva Palmeiras.

 *****

Flamengo samba na Libertadores e casa cai aos poucos-1
O Flamengo não conseguiu no fim das contas o milagre (com que tanto havia sonhado) na última quinta (12), que teve mais cara de sexta-feira 13 para os torcedores rubro-negros.

A equipe até conseguiu ganhar em casa por 3 a 0 do classificado por antecipação Lanús, da Argentina.

Mas o Emelec equatoriano foi ao Paraguai e detonou de virada o Olímpia, ficando, assim, com a segunda vaga do seu grupo na Taça Libertadores da América 2012.

Como a partida do Fla-fla terminou antes, seus atletas ficaram no gramado aguardando o resultado do embate entre seus rivais. E o destino judiou deles legal, mas legal mesmo.

Aos 47 minutos do segundo tempo, o Olympia fez o gol de empate, o que naquele momento dava a vaga para o menguinho. Alguns começavam a festejar, quando, a inacreditáveis 48 minutos, o Emelec fez o tento que sacramentou sua vitória e também a vaga.

Isso é que é zica (epa!), heim? Pai Edu urgente, dona Tamborim!

 *****

Flamengo samba na Libertadores e casa cai aos poucos-2
Após a confirmação da vitória paraguaia, a reação dos jogadores do time carioca variou bastante. Tivemos, por exemplo, Leonardo Moura, que já dava entrevista comemorando a vaga e que, logo a seguir, teve de lamentar a eliminação, protagonizando um mico histórico.

Zé das Tranças, por sua vez, chorou mais do que noiva em dia de casamento, dando uma de “torcedor fanático”, perfil assumido por ele desde que voltou ao time carioca.

Será que o cidadão não se valeu de um daqueles cristais que os atores televisivos usam para as cenas de lágrimas?

O melhor de todos, no entanto, foi mesmo Ronaldinho Dentuço. Com cara gélida, ficou apenas mexendo a cabeça, dando uma de quem não acreditava naquilo que estava acontecendo.

Antes da consumação da tragédia, no entanto, ele já havia afirmado que não desejava sair do Flamengo pela porta dos fundos. Como assim, “sair pela porta dos fundos?” É, o cara quer se pirulitar do menguiço…

 *****

Flamengo samba na Libertadores e casa cai aos poucos -3
Lógico que o clima de Pernalonga Rubro-negro ficou feio após essa eliminação precoce da equipe na qual ele é encarado como o grande comandante, grande craque e grande atrativo para investidores. Que, por sinal, ainda não surgiram, mesmo como o R-10 há um ano por lá.

Na região dos vestiários do Engenhão, onde foi realizada a partida contra o Lanús, torcedores já tentavam azucrinar a vida do ex-jogador em atividade.

Nem é preciso dizer que alguns seguranças estavam por perto para dispersar a encrenca, exibindo armas no intuito de intimidar os tais torcedores. Pelo menos, é o que alguns órgãos de imprensa garantiram.

Assis Lero-Lero, empresário de Pernalonga Paraguaio, que havia garantido a permanência do irmão da agremiação carioca na última semana, já teria marcado uma reunião com a cúpula flamenguista, no intuito de informar que o R-10 pensa em pular fora do Ninho do Urubu.

Conhecendo esse “empresário” como nós, a possibilidade de ele dar um chapéu bem dado em Miss Tamborim é fácil, fácil. Mas a pergunta básica é a de sempre: para quem vai sobrar a bucha dessa desclassificação humilhante?

 *****

Flamengo samba na Libertadores e casa cai aos poucos-4
Quem apontou o nome de Joel Prancheta como o favorito para pagar tla fatura acertou em cheio. Mas a casa dele aparentemente não irá cair de imediato. E a explicação é simples.

O Flajuto já está classificado para as semifinais do segundo turno do Campeonato Carioca. Como Prancheta já faturou oito troféus do Cariocão e no momento qualquer título é bem aceito por eles, a ideia é manter o treineiro e ver se rola o troféu consolo.

Nem é preciso dizer que se não conseguir realizar esse objetivo, Joel samba bonito. E o nome de um substituto já começa a ser comentado nos bastidores de lá: o argentino Jorge Sampaoli, que levou a Universidad de Chile à conquista da Copa Sulamericana em 2011.

Enquanto isso, Adriano Emperrador, cotado para “reforçar” os Tamborins Boys, foi operado pelo doutor Ronco, digo, Runco, e precisa ficar ao menos seis semanas sem colocar o pé no chão. Esse filme eu já vi nas cores preto-e-branca em 2011 e todos vocês sabem o final…

 *****

Maracutaias em cores alvinegras e tricolores. Que vergonha!
Os dirigentes dos adversários do Small Team Curíntia e J.J. Whisky Pinky Girls devem ficar muito, mas muito atentos. Os dois clubes começam a botar as manguinhas de fora respectivamente na Libertadores da América e Copa do Brasil.

De forma bastante suspeita, a equipe antes presidida por André Sanche, o adorável comedor de esses, conseguiu mudar o local da partida contra o Nacional do Paraguai, atuando em uma cidade na qual acabou se tornando o mandante de fato, pela proximidade do Brasil. Jogou com a torcida totalmente a seu favor.

Se o Palmeiras tivesse feito essa picaretagem, seríamos alvo de manchetes na imprensa durante semanas… Como foi o time do Itaquerão/Vergonhão, já viram…

Por sua vez, as coisas parecem ter mudado de figura para as meninas de Leão Tarja Preta após José Maria Marin ter assumido a CBF. J.J. até deixou de lado seu plano de apoiar a fundação de uma Liga para que os próprios clubes organizassem o Brasileirão.

A razão é óbvia: Marin é da turma tricolor desde sempre, tendo vestido a camisa do clube nos anos 50. E sua atuação na FPF e como vice-governador malufista e depois governador nos deixa de orelha em pé.

Afinal de contas, quem viu Bahia de Feira de Santana 2 x 5 São Paulo pela Copa do Brasil sabe exatamente do que estou falando. Dois pênaltis suspeitos a favor do Tricolixo, expulsão mandrake de jogador do time baiano…

É bom ficarmos de olho, pois mais uma vez vale o ditado: esse filme eu já vi, e no fim, o bandido ganha!

 *****

Semana que vem tem mais, se Deus quiser! Agradeço aos patéticos adversários, sempre me fornecendo boa munição, e aos freqüentadores de Mondo Palmeiras! E nunca se esqueçam: o bom-humor ajuda a evitar ataques cardíacos, derrames, tentativas de suicídio etc