A vida dos outros

Por Fabian Chacur

Considerações e ironias referentes aos outros clubes que, para infelicidade deles, nunca conseguirão sequer chegar perto da Sociedade Esportiva Palmeiras.

*****

Fred estrela no Fluminense minissérie digna da Globo – 1
Para quem aturou novelas como as de Kleber Gladiador no nosso Verdão, ou a da fracassada contratação de Quasímodo Tevez pelo Ultimão, o Fluminense oferece uma espécie de minissérie, que deve durar menos, mas cujo impacto é muito mais divertido.

A estrela é o atacante Fred, aquele mesmo que esteve entre os que erraram pateticamente cobranças de pênaltis contra o Paraguai na Copa América. Pelo visto, o cara voltou da Argentina (palco da competição disputada pela Selenike) a milhão, como diriam por aí.

Segundo o jornal carioca Extra, o atleta teria tido um papo “daqueles” com integrantes de uma organizada do Flu-flu, que pediu para o jogador dar uma maneirada em suas incursões pela “náite”, pedido que ele teria aceito no último domingo (31). O acordo durou 48 horas.

*****

Fred estrela no Fluminense minissérie real digna da Globo – 2
Na noite desta terça-feira (2), Fred, acompanhado por Rafael Moura e mais quatro pessoas, marcou presença no bar Astor, no Arpoador, para uma relaxada aos costumes.

Segundo o mesmo jornal Extra, a conta da turminha do barulho teria incluído a bagatela de 60 “caipisaquês” (caipirinhas de saquê, creio eu), número que arrancou gargalhadas do impagável comentarista Renato Maurício Prado, do Sportv (“é impossível eles terem tomado tanto, isso geraria um coma alcoólico”, falou ele). Teria o bar cobrado umas a mais?

Pois representantes da organizada tricolor ficaram sabendo e teriam perseguido o carro do atleta. Resultado: Fred pediu para não jogar contra o Internacional (seu time ganhou por 2 a 0) e ameaça sair do time carioca. Detalhe: ele ainda não completou a cota de sete jogos pelo Fluminense, podendo, portanto, ir para outra equipe da série A do Brasileirão 2011.

Essa minissérie da vida real pode acabar ainda neste sábado (6), pois o jogador convocou uma entrevista coletiva, mas vai saber… Haja paciência, e haja caipi-saquês, heim? Arigatô, mô sifio!

*****

Torcida do curíntia irá ajudar na construção do Cara-de-Pauzão!
E depois há ainda quem discuta se o time presidido por André Sanche, o adorável comedor de esses e amigão do Raul Bianchi, é mesmo o campeão mundial da piada pronta. Em notícia publicada nesta sexta (5) pela Folha de S.Paulo, foi divulgado que ex-detentos irão ajudar a construir o Cara-de-Pauzão, digo, o Itaquerão.

Funcionários da Coordenadoria de Reintegração Social e Cidadania, órgão da Secretaria da Administração Penitenciária de São Paulo, produziram uma lista incluindo nomes de 240 ex-presos que já cumpriram pena ou em liberdade assistida, para seleção.

Sei que pode parecer piada politicamente incorreta, mas dá para segurar o riso ao ler uma coisa dessas? Heim? Heim?

*****

Empatite perde a paciência e manda Renan para o banco
É, meus caros, quando a coisa vai ficando feia para o técnico Empatite, ele sempre arruma uma forma de se safar das encrencas. Vejam só o que o treineiro fez com o goleiro Renan.

Após apenas três partidas como titular da meta do Ultimão, o atleta de 20 anos irá amargar o banco contra o Atlético (PR) neste fim de semana, dando lugar a Danilo (não o meia, obviamente, é o terceiro reserva da meta), já que Júlio “O Retorno da Múmia” César ainda está se recuperando de uma contusão na mão.

Nesses três jogos, Renan “Cara de Bebê” tomou cinco gols, sendo um do Cruzeiro, um do América (MG) e, ironicamente, três do clube que o revelou, o Avaí.

O mais engraçado nessa história toda é que a torcida “fiel”, que adorava detonar o titular do seu time nos últimos meses, agora não vê a hora de ter o cara de novo. Volta, goleiro Ronaldo, que por sinal agora está a cara do Tio Fester (ou Chico) da Família Adams!

*****

E o Grêmio está de “novo técnico velho” ou “velho técnico novo”
Como era esperado, o tal de Julinho, ex-auxiliar do Paulo Roberto Falcão no Inter, não segurou durante muito tempo a vaga que era do Renato Gaúcho, agora no Atlético (PR).

Um empate em casa com o Atlético Mineiro por 2 a 2, obtido por sinal com pênalti duvidoso, levou o gordinho careca a levar um solene bico nos fundilhos do Grêmio e a ir aumentar as estatísticas de treineiros desempregados no mercado brasileiro.

E quem assumiu a vaga? Para profunda tristeza de Flávio Canuto, que estava com pré-contrato assinado com o cidadão para comandar o Canuto All Stars, Celso Roth. Sim, Celso Roth!

Será a quarta, eu digo a QUARTA vez que esse profissional irá trabalhar no Grêmio. A última, há menos de dois anos. A convicção desses dirigentes na hora de contratar técnicos é sensacional. Detalhe: o contrato é só até o fim do ano… Ô, profissão dura, essa aí!

*****

Semana que vem tem mais, se Deus quiser! Agradeço aos patéticos adversários, sempre me fornecendo boa munição, e aos freqüentadores de Mondo Palmeiras! E nunca se esqueçam: o bom-humor ajuda a evitar ataques cardíacos, derrames, tentativas de suicídio, etc…