A vida dos outros

Considerações e ironias referentes aos outros clubes que, para infelicidade deles, nunca conseguirão sequer chegar perto da Sociedade Esportiva Palmeiras.

******

Maluquice portuguesa, com certeza
Nesta quarta-feira (18), Manuel da Lupa oficializou a candidatura do time que preside, a gloriosa Lusinha, a ter seu estádio como uma das sedes da Copa do Mundo de 2014.

Não fique bravo, amigo Gomão Ribeiro, mas quando ouvi essa notícia, fiquei pelo menos uns dez minutos gargalhando sem parar. Nem a melhor das reformas conseguirá transformar aquele pardieiro em um local digno de receber jogos de um campeonato dessa envergadura. Para mim, essa deve ser a mais recente piada de português, com todo o respeito.

******

Enquanto isso, no “exemplo de organização no futebol”…-1
Muita gente ainda se ilude com o time do Jardim Leonor e sua “organização impecável e modelo para todos os outros clubes”. Meus caros, isso parece ter ficado no passado. A casa anda caindo feio lá pelos lados do estádio Cícero Panetone de Toledo.

O dirigente Marco Aurélio Cunha, por exemplo, não esconde a indignação que sente pelo absurdo e grosseiro afastamento do doutor Turíbio dos Santos do clube. O profissional prestou belíssimos serviços à equipe durante décadas e foi dispensado sem a menor consideração. Tipo da coisa que não acontece em times “organizados”.

******

Enquanto isso, no “exemplo de organização no futebol…”-2
Isso não é nada. Para substituir o fracassado Ricardo Gomes, foi escalado o estagiário Sérgio Baresi, naquele velho esquema “se ganhar, fica, se apanhar, toma um passa-moleque e sai”. Nada de técnico de ponta ou ao menos alguém experiente.

Pegaram o primeiro mané que encontraram e jogaram na jaula dos leões. E o cara já está pegando diversas buchas. Na semana do clássico contra os Gambatistas do Adilson, Fernandão está dando aquele “migué” básico, sentindo dores e aparentemente tentando sair fora da partida.

******

Enquanto isso, no “exemplo de organização no futebol…”- 3
De quebra, Dagoberto, que há pouco os dirigentes rosa-choque consideravam o Romário redivivo ou coisa que o valha, não ficará nem no banco para a partida de amanhã contra a agremiação presidida por André Sanche, o adorável comedor de esses e amigão de Raul Bianchi.

Baresi, o estagiário, alegou que o atacante treinou muito mal. Na verdade, o afastamento deve ser uma espécie de represália contra o atleta língua solta, que se recusou a ir para o “Meio do Infernistão”, deixando o clube com uns milhões a menos em seu cofre. E viva a organização perfeita, o planejamento e o bom senso!

******

Em Fortaleza, um verdadeiro duelo de titãs
Após 32 anos, o estado do Ceará irá acompanhar na cidade de Fortaleza uma partida entre o Ceará Sporting e o Grêmio de Futebol Portoalegrense. Até aí, morreu o Milton, o Neves. A atração fica por conta dos treineiros das duas equipes.

Do lado cearense, o impagável Mário Sérgio Pontes de Paiva, craque no campo e professor Pardal de segunda linha como técnico. O adversário também não pode rir, pois aposta suas fichas em Renato Gaúcho, outro que fala mais do que realiza. Depois, as duas equipes não saem do chão no Brasileirão e vai ter neguinho botando a culpa nos juízes, no tempo, em Deus….

******

Semana que vem tem mais, se Deus quiser! Agradeço aos patéticos adversários, sempre me fornecendo boa munição, e aos freqüentadores de Mondo Palmeiras! E nunca se esqueçam: o bom-humor ajuda a evitar ataques cardíacos, derrames, tentativas de suicídio, etc

*****

Ouça também o Torpedo Verde, o boletim diário de Mondo Palmeiras.