Palmeiras vence Bahia e espanta a zica

Por Fabian Chacur

Foram quase dois meses sem vitórias, mas, felizmente na hora certa, o Palmeiras conseguiu voltar a vencer. E na casa do adversário. No estádio de Pituaçu, na noite deste domingo (20), o Verdão fez 2 a 0 no Bahia e espantou de vez o risco de rebaixamento.

Após um início de jogo truncado, durante o qual a equipe treinada por Joel Santana esbanjava nervosismo, o Verdão conseguiu abrir o placar, após ter tido uma boa chance aos 10 minutos, com Ricardo Bueno.

Marcos Assunção cobrou escanteio, Luan cabeceou a bola na trave e o mesmo Ricardo Bueno aproveitou de cabeça o rebote, com Thiago Heleno a seu lado.

A partir daí, o Bahia até tentou pressionar, mas afora uma boa jogada de Lulinha defendida por Deola, nada conseguiu criar de bom.

Se esteve apagado na etapa inicial, Valdívia se soltou na segunda etapa e colocou algumas vezes seus colegas na cara do gol do time soteropolitano, além de ter acertado um belo chute aos 7 minutos, defendido pelo bom goleiro Marcelo Lomba.

O Mago até fez um gol, aos 27 minutos, anulado por impedimento, o que também ocorreu um minuto depois, desta vez com o que seria o tento de empate do Bahia, com Titi.

Até o final, o Palmeiras conseguiu segurar a equipe baiana, que errou muitos passes e não soube criar as chances de que necessitava para empatar. De quebra, Marcos Assunção ampliou o marcador aos 45 minutos, cobrando com maestria falta sofrida por Dinei.