7 de outubro de 2022
Início » A HORA DA NOTA – Fluminense 1×1 Palmeiras

A HORA DA NOTA – Fluminense 1×1 Palmeiras

Por Fabian Chacur

Campeonatos de pontos corridos são vencidos ponto a ponto, confronto a confronto. E este realizado na noite deste sábado (27) no Maracanã foi mais uma decisão. E conseguimos um bom empate contra o Fluminense, perante grande público. Fluminense 1×1 Palmeiras, Verdão firme na liderança do Brasileirão. Em alguns momentos, tivemos aquela sorte que ajuda os futuros campeões. Tomara!

O Verdão foi melhor no primeiro tempo, marcando logo aos 7 minutos. E que golaço! Mais um de bicicleta na conta de Rony, que aproveitou com maestria assistência de Dudu. O Fluminense dominava as ações, mas cometia erros defensivos que o Palmeiras não soube aproveitar. E foi punido aos 37 minutos, com Manoel aproveitando de cabeça uma precisa cobrança de escanteio.

Na segunda etapa, o Verdão foi caindo de rendimento, especialmente após as inevitáveis substituições, e viu o seu rival enfiar duas bolas na trave (uma em lance com impedimento) e pressionar bastante. Mas, felizmente, conseguimos manter a igualdade no placar. Na pior das hipóteses, ficaremos com 7 pontos acima do segundo colocado, o que é bela administração de vantagem.

 

AS NOTAS DOS JOGADORES DO PALMEIRAS

 

WEVERTON- 6,5

Não teve culpa no gol e não foi muito exigido, pois as bolas mais perigosas foram na sua trave. 

 

MARCOS ROCHA-6,0

Fazia uma boa partida até sair aos 17 minutos do segundo tempo devido a um choque de cabeça, para dar sua vaga a MAYKE-5,0, cujo desempenho foi abaixo do das partidas mais recentes.

 

GUSTAVO GÓMEZ-8,0

Um verdadeiro leão em campo, sendo mais uma vez decisivo no jogo aéreo e para manter o placar.

 

MURILO-7,5

Também teve bom desempenho durante toda a partida.

 

PIQUEREZ-6,0

Performance regular do nosso lateral, que não esteve tão bem no apoio ao ataque, embora tenha sido eficiente em termos defensivos.

 

DANILO-6,0

Errou alguns passes perigosos no primeiro tempo, mas compensou na segunda etapa com muita garra.

 

ZÉ RAFAEL-6,5

Muito esforçado enquanto esteve em campo, embora um pouco abaixo da sua média. Saiu aos 26 minutos do segundo tempo para a entrada de GABRIEL MENINO-5,0, que se não brilhou, ao menos ajudou a segurar o empate.

 

RAPHAEL VEIGA-5,5

Teve alguns lampejos, mas também não esteve muito inspirado. Saiu aos 17 minutos do segundo tempo para a entrada de WESLEY-5,0, que não funcionou muito, embora tenha ganho uma bola importante no finalzinho do jogo. Menos mal…

 

GUSTAVO SCARPA-6,0

Nosso excelente meia realmente sente as partidas contra seu ex-clube. Muito abaixo do que sabe jogar, em termos técnicos, embora tenha salvo um contra-ataque que poderia ter definido a partida, na parte final da segunda etapa.

 

DUDU-7,0

Se não brilhou como de costume, ao menos deu a bela assistência para o gol do Verdão, e trouxe receios para a defesa do Flu, o que acabou quando ele saiu, aos 26 minutos do segundo temo. Seu substituto, BRUNO TABATA-3,0, ainda está perdidinho.

 

RONY-8,5

O segundo gol de bicicleta da carreira de Rony certamente valeu o ingresso para esta partida, na qual ele esbanjou a garra e a determinação de sempre. Saiu aos 26 minutos do segundo tempo para a entrada de LÓPEZ-2,0, que não foi visto em campo, embora não tenha recebido bolas, também.