7 de outubro de 2022
Início » A HORA DA NOTA – Corinthians 0x1 Palmeiras

A HORA DA NOTA – Corinthians 0x1 Palmeiras

Por Fabian Chacur

Mesmo ainda sentindo o efeito da heroica classificação para as semifinais da Libertadores na última quarta-feira (10), o Palmeiras soube encontrar forças para vencer o Corinthians em plena Arena Itaquera na noite deste sábado (13) pelo placar de 1×0, disparando na liderança do Brasileirão 2022 e perante um público de quase 45 mil pessoas.

Foi um jogo de muita marcação e disposição das duas equipes, mesmo sem tanta técnica. O time da casa até se mostrou melhor em vários momentos, mas pecou nas finalizações, ou parou nas mãos de Weverton. O Verdão, por sua vez, criou poucas oportunidades na etapa inicial.

No segundo tempo, o jogo dava pintas de que iria acabar empatado, mas aos 26 minutos Fagner errou um passe no meio, Dudu aproveitou a deixa e lançou Wesley, que tocou para Piquerez cruzar. O volante Rony tentou se antecipar a López e fez o gol contra que definiu a nossa 6ª vitória na Arena do nosso maior rival. O final de uma semana inesquecível para todos nós.

 

AS NOTAS DOS JOGADORES DO PALMEIRAS

 

WEVERTON-7,5

Esteve atento nos momentos em que foi exigido, só pra variar.

 

MAYKE-7,0

Partida muito sólida em termos defensivos e ofensivos, também.

 

GUSTAVO GÓMEZ-8,0

Ganhou rigorosamente todas as bolas pelo alto, e mais uma vez mostrou o porque é considerado o melhor zagueiro atuando atualmente no futebol brasileiro. Um monstro!

 

MURILO-7,5

O parceiro ideal de Gómez mais uma vez deu uma aula de como anular o ataque adversário.

 

PIQUEREZ-7,0

Além de seguro em termo defensivos, deu o cruzamento que originou o gol da vitória alviverde.

 

DANILO-6,5

Partida regular, com alguns erros de passe, mas também muita recuperação.

 

ZÉ RAFAEL-7,5

Fundamental para ganharmos a luta no meio-campo contra o adversário.

 

RAPHAEL VEIGA-6,0

Esforçou-se muito, mas foi um dos que mais sentiu o esforço da partida contra o Galo. Saiu aos 17 minutos do segundo tempo para a entrada de GABRIEL MENINO-7,0, que foi muito importante para ajudar a conter o ímpeto do adversário.

 

DUDU-7,0

Pode não ter brilhado e também mostrou cansaço, mas deu início à jogada que resultou no nosso gol da vitória, ou seja, mais uma vez foi decisivo em um clássico. Saiu aos 28 minutos do segundo tempo para a entrada de BRUNO TABATA- SEM NOTA.

 

LÓPEZ-7,0

Ainda tentando se encontrar, mas lutou muito, e participou da jogada que resultou no gol da nossa vitória. Saiu aos 41 minutos do segundo tempo para a entrada de RAFAEL NAVARRO-SEM NOTA.

 

RONY-6,0

Um lutador, como de praxe, mas também mostrou falta de fôlego e boa pontaria em função do esforço na partida anterior, quando voltou de contusão. Saiu aos 17 minutos do segundo tempo para a entrada de WESLEY- 6,5, que participou da jogada do gol e teve utilidade também.