15 de agosto de 2022
Início » Palmeiras se posiciona sobre violência contra o lateral Jorge

Palmeiras se posiciona sobre violência contra o lateral Jorge

Por conta da lesão do titular Joaquín Piquerez, o Jorge tem disputado mais partidas na lateral-esquerda. O atleta foi contratado em julho de 2021 e ainda não conseguiu mostrar um bom futebol.

Ainda assim, nada justifica um ato de violência contra ele ou qualquer outro jogador deste elenco tão vencedor e que já entrou para a história do clube. Aliás, nenhum atleta deve ser agredido em momento algum. 

A Polícia Federal foi chamada e o caso será investigado. Dois homens participaram da agressão verbal e também danificaram o carro do jogador. É um absurdo completo! 

Prontamente, a diretoria também se pronunciou a respeito do ocorrido: 

“O lateral-esquerdo Jorge foi vítima, na manhã desta terça-feira (17), de um inaceitável episódio de violência praticado por dois indivíduos nas cercanias da Academia de Futebol. O jogador teve o vidro do carro danificado e sofreu ameaças verbais.

A Sociedade Esportiva Palmeiras repudia veementemente este ataque covarde contra o nosso atleta e tomará todas as providências jurídicas e criminais para que os infratores sejam identificados e punidos com o rigor da lei.

Sabemos que este ato não representa a torcida palmeirense. É inadmissível, contudo, que casos de agressão tenham se tornado rotina no futebol brasileiro nos últimos tempos.

A violência não pode ser normalizada; ao contrário, precisa ser combatida com a união de todos os envolvidos no ambiente esportivo.

Somos uma família: a Família Palmeiras! Quando um dos nossos é agredido, todos também somos!”

Abraço a todos!