24 de novembro de 2022
Início » A VIDA DOS OUTROS – 24/04/2022

A VIDA DOS OUTROS – 24/04/2022

Por Fabian Chacur

Considerações e ironias referentes aos outros clubes que, para infelicidade deles, nunca conseguirão sequer chegar perto da Sociedade Esportiva Palmeiras.

 *****

 SÉRIE B: REZE PRA NÃO ENTRAR, SOFRA PRA SAIR-1

O palmeirense tem no seu DNA o espírito corneteiro. Mesmo em uma fase tão vitoriosa como a atual, há quem se queixe o tempo todo. De forma irritante, vale ressaltar. Parece que não tem o prazer de celebrar esse momento tão delicioso de nossa história.

Então, vale analisar a vida dos rivais que estão hoje na série B. Nas duas vezes em que encaramos tal provação, os clubes continuavam ganhando os mesmos valores da série A, e isso fez a diferença. Agora, cair significa perda de renda absurda, além do vexame em si.

*****

SÉRIE B- REZE PRA NÃO ENTRAR, SOFRA PRA SAIR-2

 Essa vertiginosa queda dos rendimentos é uma das explicações para um time do porte do Cruzeiro, um dos maiores vencedores da história do futebol brasileiro, amargar o desgosto de disputar a série B do Brasileirão pelo 3º ano consecutivo.

Punido pela irresponsabilidade de seus antigos dirigentes, o clube tenta agora, na fase da SAF (Sociedade Anônima do Futebol), voltar à elite do futebol. Com três rodadas, está no meio da tabela. Mais uma vez, não será fácil, mesmo com Ronaldo Fenômeno no comando.

*****

SÉRIE B- REZE PRA NÃO ENTRAR, SOFRA PRA SAIR-3

Pelo 2º ano consecutivo no pesadelo da série B, o Vasco, outro que dá os passos iniciais de uma SAF, também começou enroscado o campeonato. Três partidas, três empates, 14ª colocação. E os torcedores uga-bugas começaram as ameaças agressivas de sempre.

O treinador Zé Ricardo e o jogador Nenê tiveram de encarar uma enquadrada dos “organizados” em pleno aeroporto, sem seguranças, nem nada. E isso sem terem perdido nenhuma partida. Trabalhar em um clube desses sem seguro de vida é maluquice…

 *****

SÉRIE B- REZE PRA NÃO ENTRAR, SOFRA PRA SAIR-4

Por sua vez, o Grêmio conseguiu ganhar a sua 1ª partida, do Guarani, e tenta mostrar que seu favoritismo para retornar à série A se justifica. Por enquanto, está lá embaixo, comandado pelo folclórico vice de futebol Denis Abrahão, aquele que garantiu que seu clube não cairia.

O Bahia, por enquanto, é o líder do torneio. Vamos ver como isso vai acabar. E que o torcedor alviverde trate de curtir essa fase maravilhosa, pois quem gostaria de estar na pele dos gremistas, dos vascaínos e dos cruzeirenses? Bata na madeira mil vezes!

*****

Semana que vem tem mais, se Deus quiser! Agradeço aos patéticos adversários, sempre me fornecendo boa munição, e aos frequentadores de Mondo Verde! E nunca se esqueçam: o bom-humor ajuda a evitar ataques cardíacos, derrames, tentativas de suicídio etc