8 de dezembro de 2021
Início » Palmeirense, o clima ruim não pode durar muito

Palmeirense, o clima ruim não pode durar muito

Foi um papelão. A torcida compareceu em bom número para (talvez) se despedir do time que na próxima semana vai disputar mais uma final de Libertadores. É um momento importante. 

A ideia de todos era assistir a uma grande exibição sobre o rival que está em situação difícil no Brasileirão. Na verdade, a “despedida” mais próxima da torcida se deu no Maracanã. Os cartões forçados pelo Dudu e Felipe Melo apenas comprova isso.

Bem, a partida foi um desastre completo. O time (reserva) poderia ter sido goleado e o técnico Abel Ferreira acabou até saindo do campo antes do final da partida. 

De acordo com o planejamento da comissão técnica, o elenco não pode ficar tanto tempo sem jogar antes da decisão. 

Ou seja, o Palmeiras “titular” joga no sábado contra o Fortaleza, na bela porém distante capital cearense e descansa até o grande final do dia 27/11. Depois disso, os reservas encaram o virtual campeão Atlético-MG. 

Se o planejamento é correto ou não, isso nós veremos lá em Montevidéu.

Agora, time e torcida precisam superar logo o mal estar criado pela vergonhosa performance no clássico e olhar para o que realmente interessa: o título da Copa Libertadores. 

Uma boa notícia do dia foi ver os veteranos da duas Academias ganhando títulos de sócio remido do clube (foto acima). Legal demais e merecido para quem fez tanto pelo clube!

AVANTI PALESTRA!