8 de dezembro de 2021
Início » A VIDA DOS OUTROS – Edição 02

A VIDA DOS OUTROS – Edição 02

Por Fabian Chacur

Considerações e ironias referentes aos outros clubes que, para infelicidade deles, nunca conseguirão sequer chegar perto da Sociedade Esportiva Palmeiras.

 

***********

SYLVINHO PODE SER PRÓXIMA VÍTIMA DO BBB DOS TÉCNICOS

 

Aparentemente, tudo ia às mil maravilhas no time do Itaquerão. Bastou perder um clássico, no entanto, para seu treinador, Sylvinho, entrar na alça de mira para o desemprego iminente. A partida contra o Inter, neste fim de semana, pode definir a permanência ou a saída do ex-lateral do cargo. Mano Menezes é cotado como eventual substituto.

 

Tivemos até mesmo um vídeo, postado na rede oficial do clube e apresentado por Ronaldo Giovanelli, no qual o glorioso Marcelinho Carioca solta o verbo contra o cara, de forma grotesca, por sinal. O chamado “fogo amigo”. O tal “paraíso alvinegro” indo pro vinagre…

 

***********

ROGÉRIO CENI VIRA GÊNIO EM APENAS DOIS JOGOS

 

Por sua vez, o treinador do time que ganhou o tal clássico, Rogério Ceni, virou gênio com apenas duas partidas no comando do São Paulo. Empatou na estreia contra o Ceará em casa e derrotou o rival na partida seguinte. Gente do céu, foram só dois jogos!

 

O Hernán Crespo deve estar rindo sozinho, pois sabe que, se novos resultados positivos não vierem logo a seguir, o tal do M1to certamente começará a tomar suas pauladas. É o ciclo de vida dos técnicos, profissão maluca desse esporte de doidos chamado futebol,

 

***********

CHAPECOENSE 1X2 FORTALEZA, UM JOGO MALUCÃO

 

O VAR é um recurso importante para a melhora do futebol, mas quando mal utilizado, torna malucas as partidas em que isso ocorre. Um bom exemplo foi Chapecoense 1×2 Fortaleza, realizado no fim de semana passado.

 

O juiz, bem colocado e no finalzinho da partida, mandou seguir um lance com possível mão na área da Chape, e, no contra-ataque, saiu um golaço do time da casa. Ia ser a 1ª vitória dos catarinenses como mandantes. Mas o juiz preferiu ouvir o VAR e não só anulou o gol como deu o contestável pênalti para o time cearense. Inacreditável!

 

***********

EDILSON CAPETINHA SAI DA BAND, PARA ALEGRIA DE TODOS

 

Se há um jogador que a torcida alviverde odeia, ele atende pelo nome de Edilson Capetinha. Não soube respeitar o tempo em que vestiu a nossa camisa, e não perde a oportunidade de vomitar no prato em que comeu. Um horror.

 

Ele era uma espécie de dublê de comentarista na Band, com atuação grotesca. Finalmente a emissora resolveu colocar alguém melhor no seu posto, pois ninguém aguentava mais suas “análises”. Que outras emissoras pensem mil vezes antes de contratar alguém como ele…

 

***********

Semana que vem tem mais, se Deus quiser! Agradeço aos patéticos adversários, sempre me fornecendo boa munição, e aos frequentadores de Mondo Verde! E nunca se esqueçam: o bom-humor ajuda a evitar ataques cardíacos, derrames, tentativas de suicídio etc